Compensação por serviços ambientais, meios de vida e conservação: o Programa Bolsa Floresta

Compensação por serviços ambientais, meios de vida e conservação: o Programa Bolsa Floresta

O Programa Bolsa Floresta (PBF) é uma iniciativa de conservação da floresta baseada em incentivos do Estado do Amazonas (Brasil). Lançado em 2007, o programa foi uma das primeiras iniciativas no Brasil que contavam com incentivos diretos e condicionais de conservação para proteger as florestas em grande escala. Uma das 15 Reservas de Desenvolvimento Sustentável (RDS) inscritas no programa, a RDS Juma, tornou-se o primeiro de projeto REDD certificado do Brasil, e também o primeiro no mundo a receber o status de “ouro” do Climate, Community & Biodiversity Alliance (CCBA). Este estudo caracteriza o contexto de intervenção do PBF e documenta seus impactos preliminares, com o objetivo de identificar as lições aprendidas para esta e outras iniciativas de conservação na Amazônia e em outros locais. Ele se baseia em entrevistas com unidades familiares coletados em duas reservas do PBF, as RDS Juma e Uatumã, bem como em algumas análises baseadas em sensoriamento remoto cobrindo a área total de intervenção do programa. Aqui resumimos as principais conclusões sobre: (1) os meios de vida predominantes para participantes e não participantes do programa, respectivamente, no interior e fora das RDS Juma e Uatumã, (2) as tendências recentes na mudança da cobertura da terra e no entorno das duas reservas, (3) evidências preliminares sobre o impacto do PBF, e (4) as principais lições derivadas de nosso estudo.

Authors: Börner, J.; Wunder, S.; Reimer, F.; Bakkegaard, R.Y.; Viana, V.; Tezza, J.; Pinto, T.; Lima, L.; Marostica, S.

Topic: REDD+, sustainability, community involvement, Community-based forest management, conservation

Pages: 70p

Publisher: CIFOR, Fundação Amazonas Sustentável (FAS) and Zentrum für Entwicklungsforschung (ZEF), Rio de Janeiro, Brazil

Publication Year: 2013

ISBN: 978-3-00-044608-5


Export Citation

Related viewing

Top